Mundial de Motocross: GP dos EUA sem Ryan Dungey e Justin Barcia
Por: Renato Dalzochio Jr
Em 24/08/2015
Apesar das ausências, última etapa da temporada terá a presença de outros nomes de peso do MX norte-americano

Na semana passada o site mxgp.com noticiou que a equipe norte-americana do Motocross das Nações 2015 iria disputar o GP dos EUA em Glen Helen, última etapa do Mundial de Motocross, nos dias 19 e 20 de setembro, uma semana antes do Motocross das Nações, que acontece nos dias 26 e 27 em Ernée, na França.

Entretanto, membros da equipe AutoTrader.com/Toyota/JGR Yamaha informaram que Justin Barcia não estará competindo no evento, nem nunca teve planos de correr. Com a convocação de Barcia, a JGR pela primeira vez terá um piloto no Motocross das Nações e está planejando sua logística para dar todo o apoio necessário ao piloto. A base da equipe fica na Carolina do Norte e uma etapa no sul da Califórnia (como é o caso de Glen Helen) uma semana antes do evento seria uma despesa cara e desnecessária. Ainda nesta segunda-feira (24) a equipe AutoTrader.com/Toyota/JGR Yamaha anunciou a renovação de contrato com Barcia até o final da temporada 2018. Ele terminou o AMA Motocross em terceiro lugar na categoria 450.

Justin Barcia

 

Na coletiva de imprensa da final do AMA Motocross em Indiana, no último sábado (22), outro que confirmou que não vai disputar o GP dos EUA foi Ryan Dungey, piloto da equipe oficial Red Bull KTM, que se sagrou tricampeão na categoria 450.  Em contrapartida, Dungey, que também abriu mão de representar seu país no Motocross das Nações, confirmou presença no Red Bull Straight Rhythm e no Monster Energy Cup. Apesar da ausência de Dungey, a equipe oficial Red Bull KTM dos EUA estará representada pelo francês Marvin Musquin, que vai competir na categoria MXGP, além dos pilotos das equipes satélites BTO Sports KTM (Dean Wilson e Justin Brayton na categoria MXGP) e Troy Lee Designs/Lucas Oil/KTM (Jessy Nelson, Shane McElrath e Darryn Durham na MX2).

Ryan Dungey

 

Ainda nos bastidores da final do AMA Motocross, correu a informação de que os outros dois pilotos da equipe norte-americana, Jeremy Martin e Cooper Webb, irão disputar o GP dos EUA. A expectativa é de que Webb corra na categoria MXGP (450) e Martin na MX2 (250). Nada foi dito sobre o outro piloto da equipe Yamalube/Star Racing Yamaha, Aaron Plessinger.

Jason Anderson e o francês Christophe Pourcel, companheiros na equipe oficial Rockstar Energy Husqvarna, estão confirmados no GP dos EUA. Os outros dois pilotos da equipe, Zach Osborne e Martin Davalos, estão acima do limite de idade da categoria MX2 (23 anos), o que os forçaria a disputar a MXGP, por isso abriram mão da oportunidade e não irão correr no evento.

VEJA TAMBÉM:
Ricky Carmichael entra para o Hall da Fama do Motociclismo
Em 23/10/2013
Assista um vídeo com os melhores momentos da carreira de um dos maiores piloto de todos os tempos do MX
Vídeo: Melhores Momentos 2ª etapa Brasileiro de Enduro FIM – Patrocínio (MG)
Em 13/04/2017
Prova foi muito elogiada pelo seu alto nível técnico. Confira um resumo com os melhores momentos dos dois dias
Race Report: 5ª etapa AMA Motocross 2014
Em 29/06/2014
Roczen volta a vencer a 450 em Muddy Creek. Na 250, Webb leva a melhor, mas liderança segue com Jeremy Martin
COMENTÁRIOS
Publicidade
211 Bikes MXGP Live
Copyright © 2013 CROSSCLUBE BRASIL. All rights reserved.