Mundo Afora By Renato Dalzochio Jr #10
Por: Renato Dalzochio Jr
Em 22/02/2014
Confira os destaques desta edição do blog Mundo Afora

Estatísticas: AMA Supercross em Atlanta

 

Categoria 450

- A primeira corrida foi realizada no dia 5 de março de 1977 e Bob Hannah venceu pilotando uma Yamaha.

- Esta será a corrida de número 36 do AMA Supercross na categoria 450 em Atlanta.

- De 1977 a 1992 a corrida foi realizada no Fulton County Stadium.

- Em 1992, Damon Bradshaw venceu a última corrida realizada no Fulton County Stadium.

- Em 1993, Bradshaw venceu a primeira corrida realizada no Georgia Dome.

- Bradshaw tornou-se o primeiro piloto a vencer três corridas consecutivas em Altanta. Este feito posteriormente foi repetido por Jeremy Mcgrath e Ricky Carmichael.

- Em 2012, Ryan Dungey deu a KTM sua primeira vitória no AMA Supercross em Atlanta na categoria 450.

- Em 2008, pilotando uma Honda, Davi Millsaps conquistou a primeira vitória de sua carreira na categoria 450 em Atlanta.

- Se vencer neste sábado em Atlanta, James Stewart chega a 48 vitórias na carreira e empata com Ricky Carmichael na segunda posição da lista dos maiores vencedores de todos os tempos da história do AMA Supercross.

 

Categoria 450: vitórias por marca em Atlanta

Yamaha: 11 (última vitória em 2009).

Honda: 10 (última vitória em 2008).

Kawasaki: 7 (última vitória em 2011).

Suzuki: 6 (última vitória em 2013).

KTM: 1 (em 2012).

 

Categoria 450: primeira vitória da carreira em Atlanta

Bob Hannah: 1977

Chuck Sun: 1980

Jeff Stanton: 1989

Damon Huffman: 1997

Davi Millsaps: 2008

 

Pilotos que venceram as duas categorias em Atlanta

- Damon Bradshaw

- Ricky Carmichael

- Chad Reed

- James Stewart

- Ryan Dungey

*Will Hahn pode entrar para esta lista se vencer hoje.

 

Categoria 250

- A primeira corrida foi realizada em 23 de fevereiro de 1985 e Eddie Warren venceu pilotando uma Kawasaki.

- Esta será a corrida de número 28 da categoria 250 em Atlanta.

- A KTM nunca venceu a categoria 250 em Atlanta.

- A Yamaha venceu cinco corridas consecutivas em Atlanta, de 1999 a 2003.

 

Categoria 250: primeira vitória da carreira em Atlanta

- Eddie Warren: 1985

- Keith Turpin: 1986

- Denny Stepherson: 1990

- Doug Henry: 1993

- John Dowd: 1996

- Ricky Carmichael: 1997

- Josh Grant: 2006

- Ryan Dungey: 2007

- Trey Canard: 2008

- Dean Wilson: 2011

- Will Hahn: 2013

 

Categoria 250: vitórias por marca em Atlanta

Kawasaki: 8 (última vitória em 2010).

Honda: 8 (última vitória em 2013).

Yamaha: 7 (última vitória em 2003).

Suzuki: 4 (última vitória em 2007).

 

Sessão Estaleiro: AMA Supercross em Atlanta

 

Categoria 450

 

Jimmy Albertson – Joelho e pulso

Cortou o joelho e torceu o pulso após sofrer um tombo num dos treinos classificatórios em San Diego. Recebeu pontos por ter rasgado a cartilagem do joelho, ficou fora de Dallas, mas volta neste sábado em Atlanta.

 

Trey Canard – Braço quebrado

Quebrou o braço treinando no feriado de Ação de Graças e passou por cirurgia para colocar uma placa. Canard pretendia voltar em Dallas, mas não recebeu liberação médica. A equipe Muscle Milk Honda espera que ele seja liberado dentro de algumas semanas.

 

Josh Grant – Ombro

Sofreu uma lesão muscular no ombro, durante o segundo treino em Phoenix. Tentou correr com a dor, mas foi incapaz de dar o máximo de seu potencial. Após duas semanas fora, volta neste sábado em Atlanta.

Josh Grant (33) volta neste sábado em Atlanta

 

Josh Hill – Clavícula quebrada

Quebrou a clavícula em Oakland mas de alguma forma conseguiu perder apenas uma corrida após passar por cirurgia. Não deve perder mais nenhuma etapa.

 

Davi Millsaps – Ligamento anterior cruzado do joelho rompido

O vice-campeão da categoria 450 nas duas últimas temporadas rompeu o ligamento anterior cruzado do joelho, enquanto treinava em Milestone. Esta mesma lesão, no outro joelho, lhe custou a disputa do AMA Motocross do ano passado. Millsaps passou por uma cirurgia em Dezembro do ano passado e em Anaheim II ele disse que esperava voltar na oitava etapa em Atlanta, mas teve que mudar a data do seu retorno para Houston.

 

Kyle Partridge – Ligamento anterior cruzado do joelho rompido

Passou por uma cirurgia para corrigir o ligamento anterior cruzado que rompeu no joelho e provavelmente está fora do restante do campeonato.

 

Chad Reed – Fratura no Omoplata, clavícula e primeira vértebra torácica

Caiu forte em San Diego e fraturou o omoplata, a clavícula e a primeira vértebra torácica. Tentou participar dos treinos em Dallas, mas sucumbiu as dores. No decorrer desta semana Reed anunciou que o escocês Dean Wilson, que está de “férias” do campeonato das 250 costa Oeste, será seu substituto em sua equipe, mas a estreia deve acontecer somente em Indianápolis, no próximo sábado. Em uma rede social o australiano disse que vai aproveitar o tempo livre para se recuperar das lesões e se preparar para o AMA Motocross.

Chad Reed está fora do AMA Supercross...

 

... e para o seu lugar chamou o escocês Dean Wilson

 

Confira abaixo um vídeo do primeiro treino de Wilson com a equipe de Reed, na pista de Milestone em Riverside, na Califórnia.

 

Jake Weimer – Ombro e pulso

Deslocou um ombro e quebrou o osso de um dos pulsos num dos treinos classificatórios em San Diego. Em uma rede social Weimer disse que o pulso estará curado dentro de 4 semanas e o ombro, que não precisou de cirurgia, estará curado dentro de 2 a 3 semanas. Weimer vai iniciar um processo de reabilitação que deve durar 6 semanas e ele só vai voltar quando estiver se sentindo 100% pronto e recuperado.

 

Categoria 250

 

Zach Bell – Clavícula quebrada

Quebrou a clavícula em Phoenix e está fora do campeonato. A lesão atingiu três partes diferentes do referido osso e foi necessária uma cirurgia para corrigir o problema. Deve voltar somente no AMA Motocross.

 

Darryn Durham – Concussão

Sofreu uma concussão após grave acidente nos treinos em A2. Perdeu A3 e San Diego e só deve voltar no retorno do campeonato da costa Oeste em Houston.

Darryn Durham

 

Marvin MusquinLigamento anterior cruzado do joelho rompido

Mesma lesão de Millsaps. Passou por cirurgia em seu país natal, França, e deve perder o início do campeonato da costa leste. Começou a andar de bicicleta, como parte do programa de reabilitação do joelho, mas ainda não está pronto para retomar os treinos com moto e só deve voltar no AMA Motocross.

 

Zach Osborne – Clavícula quebrada

Sofreu duas pequenas fraturas na clavícula em A3, durante os treinos. Perdeu San Diego e só deve voltar no reinício do campeonato da costa oeste em Houston.

 

Austin Politelli – Fêmur quebrado

Quebrou o fêmur treinando em Milestone na semana anterior a Phoenix. Não há previsão de retorno.

 

Joey Savatgy – Pulso quebrado, costelas quebradas e pulmões perfurados

Eleito o piloto revelação do campeonato do ano passado, Savatgy foi outro que se acidentou feio em Milestone no início de Dezembro, o que resultou em um pulso quebrado, costelas quebradas e pulmões parcialmente perfurados. Ele vai perder todo o campeonato da categoria 250 costa Leste e o substituto contratado pela equipe Rockstar Energy KTM foi o piloto Cole Thompson. Savatgy está visitando o médico de 15 em 15 dias para avaliar sua recuperação, mas ainda não tem condições de retomar os treinos com moto.

 

Vídeo: Equipe Dirt Shark no AMA Supercross em Dallas

VEJA TAMBÉM:
Vídeo: Melhores Momentos MXDN 2013
Em 30/09/2013
Assista um resumo das finais que garantiram o título para a equipe da Bélgica em Teutschenthal no último domingo
Ingressos para o Brasileiro de Motocross no Mato Grosso do Sul já estão à venda
Em 22/05/2013
Interessados em assistir a segunda etapa devem procurar os pontos de venda em Três Lagoas, local do evento
Race Report: 3ª etapa Campeonato Brasileiro de Motocross – Canelinha (SC)
Em 17/08/2014
Jetro Salazar é o novo líder da MX1, mas resultado está sob judice. Paulo Alberto se isola na liderança da MX2
COMENTÁRIOS
Publicidade
211 Bikes MXGP Live
Copyright © 2013 CROSSCLUBE BRASIL. All rights reserved.