Mundo Afora By Renato Dalzochio Jr #9
Por: Renato Dalzochio Jr
Em 14/02/2014
Confira os destaques desta edição do blog Mundo Afora

Estatísticas: AMA Supercross em Dallas

 

Categoria 450

- A primeira corrida foi realizada em 28 de Fevereiro de 1975 e Jimmy Ellis venceu pilotando uma Can-am.

- Esta será a corrida de número 34 do AMA Supercross na categoria 450 em Dallas.

- Esta será a quinta corrida no Cowboys Stadium (atualmente AT&T Stadium). As corridas anteriores foram realizadas no Texas Stadium.

-Não houve corrida em Dallas na temporada 2009 porque o Cowboys Stadium estava em construção.

- Em 1986, David Bailey venceu a última corrida de sua carreira nesta etapa.

- Em 1983, Mike Bell venceu a última corrida de sua carreira nesta etapa.

- Em 1997, Jeff Emig venceu a última corrida de sua carreira nesta etapa.

- Jimmy Ellis deu a Can-am sua primeira vitória nesta etapa.

- Apenas sete pilotos conquistaram vitórias por duas temporadas consecutivas nesta etapa: Jimmy Ellis (1975-1976), Rick Johnson (1987-1988), Damon Bradshaw (1991-1992), Kevin Windham (1999-2000), Ricky Carmichael (2001-2002), Chad Reed (2003-2004), Ryan Villopoto (2012-2013).

- Villopoto pode se tornar neste sábado o primeiro a vencer em Dallas por três temporadas consecutivas.

 

Categoria 450: vitórias por marca em Dallas

Honda: 13

Yamaha: 10

Kawasaki: 8

Can-am: 2

Suzuki: 1

 

Categoria 450: pilotos que mais venceram em Dallas

Chad Reed: 4

Rick Johnson: 3

 

Pilotos que venceram nas duas categorias (450 e 250) em Dallas:

Mike LaRocco
Jeremy McGrath
Doug Henry
Kevin Windham
James Stewart
Ryan Villopoto

*Justin Barcia pode entrar para esta lista neste sábado.

 

Categoria 250

- A primeira corrida foi realizada em 4 de maio de 1985 e Bobby Moore venceu pilotando uma Suzuki.

- Esta será a corrida de número 29 da categoria 250 no AMA Supercross em Dallas.

- O sul-africano Grant Langston deu a KTM sua primeira vitória no AMA Supercross em Dallas, em 2001.

- Villopoto venceu sua primeira corrida na categoria 250 em Dallas, em 2006.

- Blake Baggett também conquistou sua primeira vitória na categoria 250 em Dallas, em 2010.

- O escocês Dean Wilson conquistou sua sexta vitória da carreira na categoria 250 em Dallas no ano passado, a primeira da equipe Monster Energy/Pro Circuit/Kawasaki na temporada 2013.

- No ano passado Justin Hill fez sua estreia no campeonato em Dallas e finalizou na quinta posição.

- Este sábado marca a abertura do campeonato da categoria 250 costa Leste.

- Blake Baggett, Martin Davalos e Blake Wharton são os favoritos ao título neste ano.

 

Categoria 250: vitórias por marca em Dallas

Kawasaki: 10

Suzuki: 6

Honda: 6

Yamaha: 4

KTM: 1

 

Sessão Estaleiro: AMA Supercross em Dallas

 

Categoria 450

 

Jimmy Albertson – Joelho e pulso

Cortou o joelho e torceu o pulso após sofrer um tombo num dos treinos classificatórios em San Diego. Recebeu pontos e pode ter rasgado a cartilagem do joelho, mas mesmo assim vai tentar correr em Dallas neste sábado.

 

Trey Canard – Braço quebrado

Quebrou o braço treinando no feriado de Ação de Graças e passou por cirurgia para colocar uma placa. Canard pretendia voltar neste sábado em Dallas mas ainda não recebeu liberação médica.

 

Josh Grant – Ombro

Sofreu uma lesão muscular no ombro, durante o segundo treino em Phoenix. Tentou correr com a dor, mas foi incapaz de dar o máximo de seu potencial. Pretende voltar em Atlanta e desde sábado passado em San Diego está sendo substituído por Phil Nicoletti.

 

Will Hahn – Mão

Abandonou a prova em San Diego após contundir a mão direita mas está confirmado em Dallas neste sábado.

 

Davi Millsaps – Ligamento anterior cruzado do joelho rompido

O vice-campeão da categoria 450 nas duas últimas temporadas rompeu o ligamento anterior cruzado do joelho, enquanto treinava em Milestone. Esta mesma lesão, no outro joelho, lhe custou a disputa do AMA Motocross do ano passado. Millsaps passou por uma cirurgia em Dezembro do ano passado e em Anaheim II ele disse que esperava voltar na oitava etapa em Atlanta, mas teve que mudar a data do seu retorno para Houston.

 

Kyle Partridge – Ligamento anterior cruzado do joelho rompido

Passou por uma cirurgia no início desta semana, para corrigir o ligamento anterior cruzado que rompeu no joelho e provavelmente está fora do restante do campeonato.

 

Chad Reed – Fratura no Omoplata, clavícula e primeira vértebra torácica

Reed caiu forte em San Diego, mas apesar dos três ossos que quebrou, garantiu que vai tentar correr em Dallas neste sábado. No Twitter ele postou o seguinte comentário: “Não é a notícia que eu queria, três ossos quebrados: omoplata, clavícula e primeira vértebra torácica. Acho que tudo isso explica as dores que eu estou sentindo... Às vezes algumas coisas não fazem sentido, mas faz parte da relação de amor e ódio que temos com as corridas. O gate vai continuar caindo todo sábado à noite e dentro de seis dias eu pretendo estar lá novamente! Obrigado por todas as orações e espero ver vocês logo,  orgulhosos adeptos do #22”.

 

Jake Weimer – Ombro e pulso

Deslocou um ombro e quebrou o osso de um dos pulsos num dos treinos classificatórios em San Diego. Postou recentemente uma atualização no Instagram dizendo que ainda está pensando sobre quando deverá voltar.

Jake Weimer

 

Categoria 250

 

Blake Baggett – Pé quebrado

O piloto da equipe Monster Energy/Pro Circuit/Kawasaki quebrou o pé treinando durante a pré-temporada. Baggett retomou os treinos com moto e estará pronto para a abertura do campeonato da 250 costa Leste neste sábado em Dallas.

 

Zach Bell – Clavícula quebrada

Quebrou a clavícula em Phoenix e está fora do campeonato. A lesão atingiu três partes diferentes do referido osso e foi necessária uma cirurgia para corrigir o problema. Deve voltar somente no AMA Motocross.

 

Justin Bogle – Ombro quebrado e cinco vértebras quebradas

Bogle caiu feio treinando em Milestone, em Dezembro, e quebrou o ombro e cinco vértebras. A equipe Geico Honda contratou Blake Wharton para lhe substituir no AMA Supercross 250 costa Oeste, mas apesar da gravidade, Bogle retomou os treinos com moto e está apto para a abertura do campeonato da 250 costa Leste neste sábado em Dallas.

 

Darryn Durham – Concussão

Sofreu uma concussão após grave acidente nos treinos em A2. Perdeu A3, vai perder San Diego e só deve voltar no retorno do campeonato da costa Oeste em Houston.

 

Marvin MusquinLigamento anterior cruzado do joelho rompido

Mesma lesão de Millsaps. Passou por cirurgia em seu país natal, França, e deve perder o início do campeonato da costa leste. Começou a andar de bicicleta, como parte do programa de reabilitação do joelho, mas ainda não está pronto para retomar os treinos com moto.

 

Zach Osborne – Clavícula quebrada

Sofreu duas pequenas fraturas na clavícula em A3, durante os treinos. Vai perder San Diego e só deve voltar no reinício do campeonato da costa oeste em Houston.

Zach Osborne

 

Joey Savatgy – Pulso quebrado, costelas quebradas e pulmões perfurados

Eleito o piloto revelação do campeonato do ano passado, Savatgy foi outro que se acidentou feio em Milestone no início de Dezembro, o que resultou em um pulso quebrado, costelas quebradas e pulmões parcialmente perfurados. Ele vai perder todo o campeonato da categoria 250 costa Leste e o substituto contratado pela equipe Rockstar Energy KTM foi o piloto Cole Thompson. Savatgy está visitando o médico de 15 em 15 dias para avaliar sua recuperação, mas ainda não tem condições de retomar os treinos com moto.

 

Yoshimura Suzuki renova com James Stewart

A equipe Yoshimura Suzuki anunciou nesta quinta-feira (13) a renovação de contrato com o piloto James Stewart, vencedor do AMA Supercross em San Diego, para a temporada 2015 do AMA Supercross e Motocross. Ele estreou na equipe em 2012.

“Trabalhar com James tem sido uma experiência extremamente gratificante. Começamos em 2012 e sinto que somente agora estamos nos aproximando do nosso verdadeiro potencial. Todos na equipe estão ansiosos para seguir trabalhando com James até o final de 2015 e possivelmente mais além”, disse o chefe da equipe, Mike Webb.

James Stewart

 

“Estou muito feliz em continuar correndo com a Yoshimura Suzuki. Foi ótimo vencer em San Diego na semana passada. Estou mais confortável do que nunca com a equipe e a RM- Z450, me sinto muito bem na moto. Este ano fizemos muitos progressos como equipe e eu estou ansioso para manter este ímpeto no restante da temporada e no próximo ano”, disse Stewart.

 

Vídeo: Yoshimura Suzuki Factory Racing - San Diego SX Race Report

 

Cairoli vence segunda etapa do Motocross Internacional da Itália 2014

Correndo na frente de seus torcedores em Noto, na Sicília, no último fim de semana, o italiano Antonio Cairoli realizou outra exibição deslumbrante, desta vez na segunda etapa do Motocross Internacional da Itália 2014, vencendo tanto a categoria MX1 como a Elite. Ele faturou todas as quatro baterias disputadas até o momento.

Na MX1 Cairoli venceu com 14 segundos de vantagem sobre o belga Jeremy Van Horebeek, segundo colocado, com o australiano Todd Waters em terceiro. O sul-africano Tyla Rattray foi o quarto e o italiano David Philippaerts completou o top 5.

Antonio Cairoli

 

A bateria da categoria Elite, que reúne os melhores da MX1 e os melhores da MX2, teve um pódio idêntico ao da bateria da MX1, com Cairoli em primeiro, Van Horebeek em segundo e Waters em terceiro. O italiano Davide Guarneri foi o quarto e Rattray completou o top 5.

Na MX2 a vitória ficou com o francês Jordi Tixier, com seu conterrâneo Christophe Charlier em segundo e o italiano Alessandro Lupino completando o pódio na terceira posição. Completaram o top 5 os também italianos Michele Cervallin em quarto e Ivo Monticelli em quinto.

 

RESULTADOS

MX1

1. Antonio Cairoli - Red Bull KTM Factory

2. Jeremy Van Horebeek - Yamaha Factory Racing

3. Todd Waters - Red Bull Ice One Husqvarna

4. Tyla Rattray - Red Bull Ice One Husqvarna

5. David Philippaerts - DP 19 Racing Yamaha

6. Davide Guarneri - TM Ricci Racing

7. Davide De Bortoli - Team Massignani Honda

8. Samuel Zeni - Arco Kawasaki

9. Pier Filippo - Moto Club Spoleto Yamaha

10. Samuele Bernardini - TM Ricci Racing

 

MX2

1. Jordi Tixier - Red Bull KTM Factory

2. Christophe Charlier - Yamaha Factory Racing

3. Alessandro Lupino - CLS Kawasaki Monster Energy

4. Michele Cervallin - Honda Martin Racing Tech Honda

5. Ivo Monticelli - Marchetti Racing Team KTM

6. Pauls Jonass - Marchetti Racing Team KTM

7. Kevin Fors - KTM Silver Action KTM

8. Alessio Chiodi - KTM Silver Action KTM

9. Simone Furlotti - KTM Silver Action KTM

10. Kade Tinkler - Team Castellari

 

Elite

1. Antonio Cairoli - Red Bull KTM Factory

2. Jeremy Van Horebeek - Yamaha Factory Racing

3. Todd Waters - Red Bull Ice One Husqvarna

4. Davide Guarneri - TM Ricci Racing

5. Tyla Rattray - Red Bull Ice One Husqvarna

6. David Philippaerts - DP 19 Racing Yamaha

7. Jordi Tixier - Red Bull KTM Factory

8. Davide De Bortoli - Team Massignani Honda

9. Pier Filippo Bertuzzo - Moto Club Spoleto Yamaha

10. Samuele Bernardini - TM Ricci Racing

 

GO Pro: Carona com Cairoli na segunda etapa do MX Internacional da Itália

 

Motocross Internacional de Valença 2014 é cancelado

A organização do Motocross Internacional de Valença, uma das mais tradicionais provas da pré-temporada europeia, decidiu cancelar a edição 2014 do evento. Desde o início do ano está chovendo muito na região francesa onde o evento é realizado, sendo que a cada dia a televisão francesa mostra novos relatórios decepcionantes de inundações que estão ocorrendo em diversas regiões. A pista de motocross de Valença não sofreu tanto com a água, mas por precaução o moto clube local decidiu cancelar o evento, que seria realizado neste fim de semana, dias 15 e 16 de fevereiro. De acordo com os organizadores, a prova é realizada há mais de dez anos, sempre na terceira semana de fevereiro e nunca o clima esteve tão chuvoso nesta época do ano como agora.

 

Definido o local da quinta etapa do Mundial de Motocross MXGP/MX2 2014

A única etapa da temporada 2014 do Mundial de Motocross MXGP/MX2 que faltava definir, foi definida. O quinto GP do campeonato deste ano será realizado no tradicional circuito de Sevlievo, na Bulgária, no dia 20 de abril. Confira abaixo como ficou o calendário completo.

 

Campeonato Mundial de Motocross MXGP/MX2 2014

01 de Março: GP do Qatar - Losail

09 de Março: GP da Tailândia - Si Racha

30 de Março: GP do Brasil - Beto Carrero World

13 de Abril: GP de Trentino – Arco di Trento

20 de Abril: GP de Sevlievo – Bulgária

04 de Maio: GP da Holanda – Valkenswaard

11 de Maio: GP da Espanha – Talavera De La Reina

25 de Maio: GP da Grã Bretanha – Matterley Basin

01 de Junho: GP da França – St. Jean d’Angely

15 de Junho: GP da Itália – Maggiora

22 de Junho: GP da Alemanha – Teutschenthal

06 de Julho: GP da Suécia – Uddevalla

13 de Julho: GP da Finlândia – Hyvinkää

27 de Julho: GP da República Tcheca – Loket

03 de Agosto: GP da Bélgica – Cidade a definir

17 de Agosto: GP da Ucrânia – Dimitrov

07 de Setembro: GP Estado de Goiás – Goiânia

14 de Setembro: GP do México – Leon

 

Motocross das Nações 2014

28 de Setembro: Kegums – Letônia

 

Mundial de SuperEnduro: Blazusiak vence na Espanha

O polonês Taddy Blazusiak venceu no último fim de semana a quinta e penúltima etapa da temporada 2013/14 do Campeonato Mundial de SuperEnduro, disputada em Barcelona na Espanha. Blazusiak faturou a prova ao vencer as três baterias. Seu companheiro de equipe oficial KTM, o britânico Jonny Walker, foi o segundo colocado. O espanhol Alfredo Gomez completou o pódio na terceira posição. O britânico David Knight foi o quarto e o sueco Joakim Ljunggren completou o top 5.

Taddy Blazusiak

 

Na classificação do campeonato Blazusiak vai para a final na França com 39 pontos de vantagem sobre Knight. Walker é o terceiro, Gomez o quarto e Ljunggren fecha o top 5.

 

RESULTADOS

Prestige Final 1

1. Taddy Blazusiak - KTM

2. Alfredo Gomez - Husqvarna

3. David Knight - Sherco

4. Joakim Ljunggren - Husqvarna

5. Jonny Walker - KTM

6. Ivan Cervantes - KTM

7. Mathias Bellino - Husqvarna

8. Kyle Redmond - KTM

9. Daniel McCanney - Beta

10. Daniel Gibert-Gatell - Husaberg

 

Prestige Final 2

1. Taddy Blazusiak - KTM

2. Jonny Walker - KTM

3. David Knight - Sherco

4. Kornél Nemeth - KTM

5. Joakim Ljunggren - Husqvarna

6. Daniel McCanney - Beta

7. Alfredo Gomez - Husqvarna

8. Mathias Mathias - Husqvarna

9. Xavier Leon

10. Ivan Cervantes - KTM

 

Prestige Final 3

1. Taddy Blazusiak - KTM

2. Jonny Walker - KTM

3. Alfredo Gomez - Husqvarna

4. Joakim Ljunggren - Husqvarna

5. David Knight - Sherco

6. Mathias Bellino - Husqvarna

7. Kyle Redmond - KTM

8. Daniel McCanney - Beta

9. Ivan Cervantes - KTM

10. Daniel Gibert-Gatell - Husaberg

 

Classificação

1. Taddy Blazusiak - 279 Pts

2. David Knight - 240 Pts

3. Jonny Walker - 204 Pts

4. Alfredo Gomez - 188 Pts

5 . Joakim Ljunggren - 163 Pts

6. Daniel Gibert-Gatell - 147 Pts

7. Mathias Bellino - 123 Pts

8. Kyle Redmond - 115 Pts

9. Daniel McCanney - 78 Pts

10. Kevin Rookstool - 77 Pts

 

VEJA TAMBÉM:
Andrew Short renova com a equipe BTO Sports KTM por mais duas temporadas
Em 01/08/2013
Veterano seguirá representado a equipe na categoria 450cc do AMA Supercross e do AMA Motocross até 2015
Vídeo: AMA SX em Phoenix na íntegra
Em 12/01/2014
Assista aos Main Events completos das categorias 450 e 250 costa Oeste na segunda etapa da temporada 2014
Vídeo: Volta Virtual em Daytona
Em 10/03/2017
Confira uma volta virtual pelo traçado da pista que recebe a 10ª etapa do AMA Supercross neste sábado (11)
COMENTÁRIOS
Publicidade
211 Bikes MXGP Live
Copyright © 2013 CROSSCLUBE BRASIL. All rights reserved.