Race Report: 7ª etapa AMA Supercross 2014
Por: Renato Dalzochio Jr
Em 16/02/2014
James Stewart vence a segunda na temporada e Adam Cianciarulo conquista a primeira vitória da carreira

Após seis etapas na costa Oeste a temporada 2014 do AMA Supercross seguiu neste sábado (15) para a costa Leste. Os fãs no AT&T Stadium em Arlington no Texas viram não só uma nova safra de pilotos no início do campeonato da 250 costa Leste, mas também o primeiro piloto da temporada a conquistar duas vitórias consecutivas na categoria 450. Adam Cianciarulo conquistou a primeira vitória de sua carreira no supercross na categoria 250, enquanto que na 450 provou que está vivo na disputa pelo título com a segunda vitória consecutiva.

 

450

Na largada foi Ryan Dungey quem fez o holeshot e saiu na frente, com James Stewart em segundo, Justin Barcia em terceiro, Justin Brayton em quarto e o alemão Ken Roczen em quinto. Stewart tratou de pressionar logo Dungey, mas não foi capaz de fazer a ultrapassagem até a terceira volta. Atrás dos líderes, Brayton assumiu o terceiro lugar ao ultrapassar Barcia, deixando o piloto da Honda brigar pela quara posição com Roczen.

Largada 450

 

O alemão fez uma tentativa de ultrapassagem na sexta volta. Barcia não só deu o troco no triplo em sequência como também roubou a terceira posição de Brayton na volta seguinte. O atual líder e campeão, Ryan Villopoto, que havia largado em sexto, começou a pressionar Roczen, e Brayton tentou aproveitar a briga para pegar distância, mas logo se viu acompanhado de perto pelos dois. Porém, faltando 10 voltas para o final, foi Villopoto quem conseguiu ultrapassar Roczen.

Ryan Villopoto

 

Sem perder tempo ele partiu para cima de Brayton, sempre acompanhado de perto por Roczen. Barcia também não conseguiu se distanciar e os quatro estavam andando praticamente juntos. Com o passar das voltas eles tornaram a se dispersar. Faltando cinco voltas para o final, Villopoto cometeu um erro que permitiu uma reaproximação de Roczen, mas logo em seguida o piloto da Kawasaki conseguiu restabelecer uma pequena distância.

Ken Roczen

 

Lá na frente Stewart conseguiu abrir uma pequena, porém segura vantagem sobre Dungey e fez uma corrida sem erros para chegar a sua segunda vitória no campeonato de forma consecutiva. Dungey foi o segundo e Barcia completou o pódio na terceira posição. Villopoto finalizou em quarto e Brayton ainda conseguiu ultrapassar Roczen e completar o top 5.

James Stewart

 

Com estes resultados Villopoto segue na liderança do campeonato, agora com 12 pontos de vantagem sobre Roczen. Stewart subiu para a terceira posição, dois pontos atrás do alemão. Dungey é o quarto e Brayton fecha o top 5.

Pódio 450

 

Chad Reed

O australiano bem que tentou, mas não resistiu às fortes dores no ombro lesionado em San Diego. Reed participou do treino livre e do segundo treino classificatório, mas acabou optando por não disputar as corridas (sequer estaria classificado de acordo com o seu desempenho). Ele passou por novos exames de raio X e ressonância magnética e um release será emitido em breve pela equipe Discount Tire Racing, atualizando as notícias sobre suas lesões. Segundo os boatos dos bastidores, ele deve ficar 6 semanas afastado das pistas para se recuperar.

 

250

Na largada foi o novato Adam Cianciarulo quem fez o holeshot e pulou na frente, seguido de perto por dois companheiros de equipe, o equatoriano Martin Davalos em segundo e Blake Baggett em terceiro. Davalos ultrapassou Cianciarulo ainda na primeira volta e o estreante no supercross passou a receber pressão de Baggett. No meio da disputa entre Cianciarulo e Baggett, Davalos cometeu um erro e caiu na quarta volta, abrindo caminho para os dois.

Adam Cianciarulo

 

Na oitava volta Baggett conseguiu ultrapassar, mas recebeu o troco logo na sequência. Cianciarulo conseguiu se defender das investidas de Baggett para conquistar a primeira vitória de sua carreira no supercross logo na corrida de estreia. Baggett finalizou em segundo. Davalos voltou em quinto no momento do tombo, mas conseguiu se recuperar e completou o pódio na terceira posição. Pódio que aliás foi dominado pela equipe Monster Energy/Pro Circuit/Kawasaki. Vince Friese finalizou em quarto e Justin Bogle completou o top 5.

Pódio 250

 

RESULTADOS

450

1. James Stewart (Suzuki)

2. Ryan Dungey (KTM)

3. Justin Barcia (Honda)

4. Ryan Villopoto (Kawasaki)

5. Justin Brayton (Yamaha)

6. Ken Roczen (KTM)

7. Broc Tickle (Suzuki)

8. Wil Hahn (Honda)

9. Josh Hill (Suzuki)

10. Andrew Short (KTM)

11. Eli Tomac (Honda)

12. Ivan Tedesco (KTM)

13. Kyle Chisholm (Yamaha)

14. Nicholas Wey (Kawasaki)

15. Matthew Goerke (KTM)

16. Justin Sipes (Kawasaki)

17. Chris Blose (Honda)

18. Jimmy Albertson (Honda)

19. Mike Alessi (Suzuki)

20. Weston Peick (Suzuki)

21. Teddy Parks (Suzuki)

22. Philip Nicoletti (Yamaha)

 

250 costa Leste

1. Adam Cianciarulo (Kawasaki)

2. Blake Baggett (Kawasaki)

3. Martin Davalos (Kawasaki)

4. Vince Friese (Honda)

5. Justin Bogle (Honda)

6. Cole Thompson (KTM)

7. Blake Wharton (Honda)

8. Kyle Cunningham (Honda)

9. Alex Martin (Yamaha)

10. Mitchell Oldenburg (Honda)

11. Kyle Peters (Honda)

12. Levi Kilbarger (Honda)

13. A J Catanzaro (Honda)

14. Jesse Wentland (Honda)

15. James Decotis (Honda)

16. Gannon Audette (Kawasaki)

17. Jackson Richardson (Honda)

18. Daniel Herrlein (Honda)

19. Matthew Bisceglia (Honda)

20. Gavin Faith (Honda)

21. Matthew Lemoine (Kawasaki)

22. Anthony Rodriguez (Yamaha)

 

CLASSIFICAÇÃO

450

1. Ryan Villopoto – 144 Pts

2. Ken Roczen – 132 Pts

3. James Stewart – 130 Pts

4. Ryan Dungey – 116 Pts

5. Justin Brayton – 114 Pts

6. Chad Reed – 111 Pts

7. Justin Barcia – 109 Pts

8. Andrew Short – 83 Pts

9. Wil Hahn – 65 Pts

10. Broc Tickle – 63 Pts

11. Ivan Tedesco – 55 Pts

12. Weston Peick – 54 Pts

13. Jacob Weimer – 50 Pts

14. Nicholas Wey – 39 Pts

15. Josh Hill – 38 Pts

16. Josh Grant – 35 Pts

17. Mike Alessi – 34 Pts

18. Matthew Goerke – 32 Pts

19. Matt Moss – 28 Pts

20. Vince Friese – 28 Pts

 

250 costa Leste

1. Adam Cianciarulo – 25 Pts

2. Blake Baggett – 22 Pts

3. Martin Davalos – 20 Pts

4. Vince Friese – 18 Pts

5. Justin Bogle – 16 Pts

6. Cole Thompson – 15 Pts

7. Blake Wharton – 14 Pts

8. Kyle Cunningham – 13 Pts

9. Alex Martin – 12 Pts

10. Mitchell Oldeburg – 11 Pts

11. Kyle Peters – 10 Pts

12. Levi Kilbarger – 9 Pts

13. A J Catanzaro – 8 Pts

14. Jesse Wentland – 7 Pts

15. James Decotis – 6 Pts

16. Gannon Audette – 5 Pts

17. Jackson Richardson – 4 Pts

18. Daniel Herrlein – 3 Pts

19. Matthew Bisceglia – 2 Pts

20. Gavin Faith – 1 Pts

VEJA TAMBÉM:
Rockstar Energy Drink Husqvarna renova com Jason Anderson e Christophe Pourcel
Em 25/08/2015
Anderson teve seu contrato estendido até o final da temporada 2018 do AMA SX e MX. Pourcel até 2017
Tauan Brenner voltará a competir nos EUA no restante da atual temporada
Em 30/06/2014
Catarinense explicou através de nota oficial os motivos que o levaram a pedir o seu desligamento da Escuderia X
Vídeo: Bastidores Yoshimura Suzuki no AMA Motocross em High Point
Em 17/06/2015
Blake Baggett finalizou outra vez no top 5 e se manteve em terceiro lugar na classificação do campeonato
COMENTÁRIOS
Publicidade
211 Bikes MXGP Live
Copyright © 2013 CROSSCLUBE BRASIL. All rights reserved.