Suspeitos de assassinar trilheiros em Carazinho (RS) são presos
Por: Renato Dalzochio Jr
Em 15/01/2018
Segundo informações, os acusados foram reconhecidos por testemunhas através de fotografias

Informações e fotos: auonline.com.br

 

Dois homens foram presos numa ação da Polícia Civil de Carazinho e região com apoio da Brigada Militar na manhã desta segunda-feira (15), suspeitos da morte de dois jovens que faziam trilha de moto no Parque Municipal João Alberto Xavier da Cruz (leia a notícia aqui), no último sábado (13).

A polícia cumpriu na manhã desta segunda-feira dez mandados de busca e apreensão no bairro São Lucas, onde foram presos os dois suspeitos, armas de fogo e a moto que foi roubada de uma terceira vítima (que conseguiu escapar), escondida no mato (fotos).

 

 

A delegada Heladia Cazarotto confirmou que a arma utilizada no crime também foi encontrada. ”Nós recebemos uma denúncia na data de ontem de uma pessoa que não quis se identificar, falando que seriam esses dois indivíduos. De imediato nos deslocamos até Não-Me-Toque e conversamos com a vítima que sobreviveu e ela reconheceu um deles, sendo o indivíduo que teria efetuado os disparos. Com base nisso a gente acabou representando pelo mandado de prisão temporária dos dois suspeitos”, disse a delegada.

Ainda segundo a delegada, o indivíduo, que já foi ouvido pela manhã, confessou o crime. ”O indivíduo que a gente ouviu hoje pela manhã confessou, ele narrou tudo como teria acontecido, que eles realmente teriam ido até o parque municipal para subtrair uma motocicleta, mas em razão das vítimas terem reagido, até quem sabe por acharem que a arma fosse de brinquedo, esse que foi ouvido acabou efetuando os disparos” explicou a delegada.

Sobre a ficha criminal dos presos a delegada explicou que em função da pouca idade os indivíduos não teriam uma extensão ficha. ”Um deles já tem uma receptação como antecedente e o outro só tem TCs, mas eles são suspeitos de terem praticado uma tentativa de homicídio no dia 31 de dezembro de 2017. O inquérito ainda está em andamento e não foi finalizado”.

Segundo informações, os acusados foram reconhecidos pelas testemunhas através de fotografias. A dupla foi levada até a Delegacia de Carazinho, onde prestarem depoimento.

De acordo com o capitão Juliano Moura, após um levantamento realizado chegou-se à conclusão de que um veículo também teria sido utilizado no crime. Segundo ele, o veículo também foi apreendido na manhã desta segunda-feira na cidade de Passo Fundo.

A operação contou ao todo com 35 policiais, sendo 16 militares e 19 civis, que resultou além da prisão de dois indivíduos, na apreensão de dois revólveres, uma garrucha e um fuzil 762.

Os presos, um de 19 e outro de 20 anos, não tiveram a identificação divulgada e após os trâmites na Delegacia de Polícia foram conduzidos ao Presidio Estadual de Carazinho (PECAR).

O crime ocorreu na tarde de sábado, onde foram vítimas Carlos Henrique Hoppen, de 22 anos, e Alexandre Cristino Soder, de 28 anos. Os dois eram moradores de Não Me Toque e estavam a passeio, fazendo trilha de moto. Uma terceira vítima conseguiu fugir e pedir socorro para a polícia.

Tags: Notícias
VEJA TAMBÉM:
Mundial de MX: GP do Qatar será transmitido ao vivo
Em 24/02/2013
Pela primeira vez na história competição desembarca no Oriente Médio. Confira os horários da transmissão via Web
Divulgado o calendário do Campeonato Mineiro de Motocross 2018
Em 08/12/2017
No próximo ano, os pilotos que quiserem concorrer ao título estadual poderão participar ao todo de sete etapas
Vídeo: Melhores Momentos Unadilla
Em 12/08/2013
Assista um resumo das duas baterias das categorias 450cc e 250cc na décima etapa do AMA Motocross
COMENTÁRIOS
Publicidade
211 Bikes MXGP Live
Copyright © 2013 CROSSCLUBE BRASIL. All rights reserved.